viaje bem, viaje longe, viaje barato!

Variados

Alteração no Pagamento em Dólar no Cartão de Crédito

A Diretoria Colegiada do Banco Central aprovou nesta quarta-feira (23/11) a Circular 3.813, que altera a regulamentação cambial quanto à conversão em reais dos gastos realizados em moeda estrangeira por meio de cartões de crédito de uso internacional e à forma de pagamento de operações com o exterior.

Com a mudança, os emissores de cartão de crédito internacional poderão oferecer ao cliente a opção de pagamento da fatura pelo valor equivalente em reais da data de cada gasto em moeda estrangeira. A adoção dessa sistemática está condicionada à oferta pelo emissor do cartão e à aceitação do cliente. A opção de pagamento pelo valor equivalente em reais na data do pagamento da fatura será mantida.

Além disso, foram ampliadas as formas de pagamento para aquisição de bens e serviços no exterior por meio de empresas que prestam serviço de pagamento internacional de comércio eletrônico. Anteriormente, o único meio permitido para tais pagamentos era o cartão de uso internacional. Agora, a transferência bancária e o cartão de uso doméstico ou internacional podem ser usados para esse fim.

Vamos ver como isso será implementado na prática.

2 Comentários

  1. Leticia

    Beatriz, um dos cartões de crédito (Unicred – cooperativa financeira) que eu utilizo já trabalha nesse sistema do dólar do dia da compras há alguns anos. Inclusive com diferenças de compras realizadas no mesmo dia, além de utilizar a cotação do dólar comercial.
    Isso me salvou na última viagem. Retornei de NY dia 03/11 e na semana seguinte, devido à vitória do Trump, o dólar decolou. O hotel foi debitado no dia do check-in (25/10) com conversão de 3,12. Minhas últimas compras já tiveram conversão de 3,18 (conforme variação naquele período).
    No exterior, utilizo somente esse cartão! É um ganho para o banco. Tenho outros 2 cartões e jamais utilizo no exterior por não oferecerem esses benefícios.

    • Beatriz

      Leticia, eu já havia comentado com meus alunos que considero ilegal a cobrança de acordo com o câmbio do dia do vencimento (“cláusula surpresa”). Infelizmente, os cartões Itaú sempre fizeram assim. Tive muitas surpresas desagradáveis por conta disso. E como você ressaltou, o Itaú ainda coloca uma cotação do dólar que não guarda relação de semelhança com o dólar comercial. Enfim, fico vendida nessa história …

Deixe um comentário

Theme by Anders Norén