Este é o segundo post da série sobre Budapeste. Para ler os anteriores, clique aqui e aqui.

Comece o dia pelo Parlamento. Há uma estação de metrô que deixa você na porta. Mas, atenção! Não deixe para comprar os ingressos na hora, pois as filas são enormes e a entrada só é permitida com horário marcado, já que os tours são fechados e organizados pelo próprio Parlamento . Os ingressos podem ser adquiridos online aqui. Os tours guiados dentro do Parlamento têm hora certa para começar e há horários diferentes para línguas diferentes: em inglês tem às 10.00, 12.00, 13.00, 14.00, 15.00; em espanhol tem às 10.15, 13.15, 14.15, 16.00, e em francês os horários são mais limitados: 11.00 e 13.30. Mas dê uma checada no horário no próprio site do parlamento aqui.

Parlamento Húngaro - BUD

Parlamento Húngaro – BUD

Do Parlamento,  você tem duas opções. A primeira é ir até o Danúbio  até o Memorial Sapatos às Margens do Danúbio, em homenagem aos judeus mortos na Segunda Guerra. Os sapatos são de bronze e representam a ausência de seus donos. É uma bela homenagem e muito tocante.

Memorial dos Sapatos - BUD

Memorial dos Sapatos – BUD

A segunda opção é seguir para a Basílica de São Estevão. Modesta por fora, o interior da Basílica é espetacular.

Basílica de São Estevão - BUD

Basílica de São Estevão – BUD

Basílica de São Estevão - BUD

Basílica de São Estevão – BUD

A Basílica fica perto do início da Andrássy útca, que é a avenida mais chique da cidade e também é Patrimônio da Humanidade. Lá você pode visitar a Ópera de Budapest e tomar uma taça de champagne no restaurante em frente, o Callas.

Ópera de Budapest - BUD

Ópera de Budapest – BUD

Em um terrível contraste com a elegância de Andrássy út, se você tiver interesse na história recente da Hungria recomendo uma ida na “House of Terror” (Terror Háza em húngaro), museu onde antigamente operava a terrível AVG, a polícia húngara responsável por inúmeros assassinatos e torturas tanto na época do fascismo como na do comunismo. O museu é pequeno e muito bem bolado, com uma ótima reconstrução de época. Como eu sou apaixonada por História, achei excepcional. Mas esse é pros fortes!

Casa do Terror - BUD

Casa do Terror – BUD

No fim da Andrássy út. temos a Praça dos Heróis, Patrimônio da Humanidade, com seu complexo de colunas e estátuas que homenageiam os chefes das 7 tribos magiares e personagens históricos da Hungria.

Praça dos Heróis - BUD Foto M Krebbs

Praça dos Heróis – BUD Foto M Krebbs

Ainda em Peste, mas bem mais ao sul da cidade, não deixe de visitar o bairro judeu e  a Sinagoga , que também é Patrimônio da Humanidade, além de ser a segunda maior do mundo.

Sinagoga - BUD

Sinagoga – BUD

Sinagoga - BUD

Sinagoga – BUD

O interior da sinagoga é de arrepiar de tão lindo.

Singagoga - BUD

Singagoga – BUD

Sinagoga - BUD

Sinagoga – BUD

No nosso próximo post falaremos sobre a arquitetura e os cafés de Budapest. Dê uma conferida aqui.  Obrigada pela atenção!