viaje bem, viaje longe, viaje barato!

Avaliações, Cias Aéreas, Sem categoria

Avaliação Completa: Delta One Tóquio – Detroit no A350

Yessss!!! Consegui mesmo, gente! E decidi pular as outras avaliações – como cheguei da Filadélfia a Tóquio – para apresentar para vocês, em primeira mão, a avaliação completa do meu voo no novíssimo A350 da Delta na sua classe executiva, a Delta One.

O voo estava atrasado cerca de 30 mins. As funcionárias responsáveis pelo embarque fizeram uma confusão tremenda, e metade da classe executiva foi embarcada depois do pessoal da econômica. É claro que eu fui uma das que entrou na cabine por último. Fiquei chateada por não poder tirar fotos “limpas”, mas vida que segue …

No final das contas, o voo atrasou 3hrs30mins por conta de um problema em uma válvula, o que, obviamente, me fez perder meu voo de conexão. Por isso estou postando agora, do lounge de Detroit. Why not?

Esse voo da Ásia com destino aos EUA é um daqueles que a gente chega antes de partir. O voo estava programado para sair às 17:50 hrs, com chegada às 15:35 hrs do mesmo dia em Detroit. Com o atraso, chegamos às 18:00 hrs, após 10hrs44 mins de voo.

A CABINE

Fantástica. É o que posso dizer. São 8 fileiras com 3 suítes na configuração 1-2-1. O design é moderno, as cores tradicionais são bem contrastadas – o branco da parede das suítes com o azul escuro dos assentos e o vermelho do fundo do compartimento do fone de ouvido – e o ambiente é tipo clean.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Durante o voo: alguns passageiros com a porta da suíte aberta, à esquerda e outros que preferiram a privacidade total, à direita.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Além do corredor muito estreito, o único outro pecado dessa maravilha é não ter compartimento de bagagem no centro. O passageiro do assento 2A, que chegou mais tarde a bordo, não tinha lugar para colocar a bagagem dele e teve que colocar no meu bin, 3A, que já tinha bagagem dos passageiros dos assentos 3B e 4B. O resultado é que a mochila dele ficou em cima da minha.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O ASSENTO

A Delta é uma das duas companhias aéreas, no mundo, a oferecerem suítes para os passageiros da business class – sendo a outra a Qatar Airways. Pelo que os blogs internacionais falam, a QSuites é sensacional e realmente parece um degrau acima da suíte da Delta. Ainda assim, a suíte da Delta está milhas à frente das concorrentes nos quesitos design e privacidade.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O assento é nas cores preta e azul, com o Delta One gravado em baixo relevo no encosto e o logo vermelho bordado na lateral.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Quando a  porta lateral é fechada, o passageiro tem sensação de total isolamento dos demais ocupantes do avião.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Abaixo da luz privativa da cabine fica o mecanismo que fecha a porta da suíte.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Quem está sentado nas fileiras do centro podem acionar uma partição que confere total privacidade em relação ao passageiro ao lado.

Na lateral do assento ficam a luz interna da suíte, o compartimento do fone de ouvido, que tem uma garrafa d’água “escondida”, o controle do assento, da mesa e do monitor.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Para soltar a mesa, basta apertar o botão à esquerda.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O monitor de 18 polegadas, com imagem nítida e boa variedade de filmes e séries para distrair o passageiro durante o voo. Ele pode ser acionado via controle ou touchscreen.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O descanso para os pés é satisfatório. Para mim, o melhor descanso fica com o assento Apex Suites da business do B777-300ER da Japan Airlines (leia aqui a avaliação do produto).

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

A suíte também conta com uma tomada elétrica e uma tomada USB, essenciais para viagens de longa duração.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Ao lado do monitor, há um cabide para blazers e casacos leves.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Olhando as fotos acima, dá para perceber que, em geral, o acabamento do assento e da suíte é muito bom. Abaixo, o detalhe do tecido que fica acima do monitor.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O SERVIÇO DE BORDO

Os comissários desse voo foram mais atenciosos e prestativos do que os do voo anterior. O rapaz que estava servindo o meu lado foi extremamente simpático comigo e com os demais passageiros. A chefe de cabine era super eficiente também e resolveu todas as intercorrências do voo com muito profissionalismo e gentileza.

A Delta deixa um amenity kit (o mesmo do voo anterior), um par de chinelos, um edredon e dois travesseiros no assento.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Por uma dica quentíssima do TPG, eu fiz a reserva da refeição japonesa via site, antes do voo, uma vez que a Delta embarca uma quantidade limitada. O menu desse voo me pareceu muito melhor do que o do voo Rio – Atlanta, em que tinha frutas tropicais em quase todos os pratos.

No início do voo, a chefe de cabine avisou que o serviço seria alterado por conta do atraso. Na verdade, a tripulação suprimiu o mid-flight snack e serviu apenas duas refeições. Eu confesso que não faria e nem fiz questão de um lanche entre o jantar e o café da manhã (a chegada, apesar de estar programada para a parte da tarde em Detroit, seria de manhã no fuso horário japonês).

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O serviço de bordo foi iniciado com a tradicional toalhinha quente, drinks e nuts.

Um tempo depois, chegou o jantar, que estava muito bom e fartíssimo e que comi acompanhado de uma garrafinha de sake.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Logo depois, eu fui tentar dormir. Estava exausta e ainda com o fuso meio atrapalhado. Fui e vim e não me acertei com os horários …

A Delta não oferece colchão e nem tem serviço de turnover. Então, eu mesma preparei minha caminha.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Dormi pouco, pois  estava tensa por conta do atraso que certamentre me faria perder a conexão e vi diversos episódios de duas séries: Genius, que conta a história de Albert Einstein (adoro as ciências em geral!) e Riviera, escrita e dirigida pelo Neil Jordan e com a Julia Stiles no papel principal.

Cerca de 1h30 mins antes da chegada, foi servido o café da manhã. Eu ainda estava com a “vibe” oriental e pedi os camaõroes com noodles.

Aliás, aqui foi um dos momentos em que a chefe de cabine mandou bem. Ela estava com uma bandeja com a refeição na mão (eu não conseguia ver qual era) e me perguntou o que eu queria. Quando respondi, ela abaixou a bandeja e colocou o prato com os camarões na minha mesa e disse “Imaginei que você ia querer esse prato, por conta do seu pedido antecipado do jantar”. Boa profissional, não?

A comida estava boa – nada de espetacular – mas bem decente. Os camarões estavam um pouco borrachudos, mas o sabor estava no ponto.

O AMENITY KIT

Foi exatamente o mesmo que me deram no voo Rio – Atlanta, então, não vou me alongar sobre ele.

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

Os fones de ouvido também eram os mesmos, mas aqui eu tenho um comentário a fazer.

Eu li diversas reclamações no TPG sobre um ruído que esse fone produz e, nesse voo, eu também tive esse problema. Mas, talvez inspirada pela série do Einstein (rsssss), eu consegui descobrir a origem do ruído e como pará-lo. É essa aqui:

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

O problema é a proximidade entre a tomada elétrica e a tomada do fone de ouvido – uma interfere na outra. Quando eu estava carregando meu celular na tomada elétrica, o ruído ao fundo era persistente. Quando eu passei a carregar via USB, o ruído desapareceu.

CONCLUSÃO

O voo valeu muito a pena, principalmente por todo o desgaste que a Smiles e a Delta me fizeram passar. Foram 100.000 milhas Smiles muito bem empregadas.

O produto é diferenciado e mostra o quão defasadas estão as cabines de classe executiva de algumas empresas e aeronaves, como o B777 e o B767 da LATAM e toda a frota de longa distância da British Airways, por exemplo.

Não sei exatamente quais são os planos da Delta para a implementação dessa cabine na frota que, fora os A350, está precisando de uma renovada para ontem. A quantidade de MD-80 e 90 no aeroporto de Detroit é impressionante. Assim como os B767, são aviões muito antigos que já deveriam estar aposentados.

Mas fez bem em introduzir a nova aeronave nas rotas (Tóquio e Seul) em que há concorrentes poderosas, como a ANA All Nippon Airways, a Japan Airlines, a Asiana e a Korean Air. Em janeiro, o A350 vai operar a rota entre Detroit e Pequim. Depois a Delta mira na Europa, sendo Amsterdam o próximo destino do A350, para finalmente voltar para a Ásia, especificamente Shanghai, em abril de 2018.

O fato é que a Delta, assim como a Qatar, aumentou o padrão da executiva. Vai ser complicado para as empresas acompanharem essas duas, principalmente a American e a United, concorrentes diretas da Delta no maior mercado de aviação do mundo (ainda). A nova cabine executiva da Lufthansa que vai estrear em 2020, em comparação com essas duas, por exemplo,  já vai nascer velha.

A todos que estão com o mesmo problema que eu tive com a emissão desse bilhete com milhas eu afirmo: busquem seus direitos na justiça e curtam muito o voo de vocês!

Delta One A350 NRT – DTW dez 2017

25 Comments

  1. João

    Parabéns, ótimo review!

  2. Tlars22

    Quem espera, sempre alcança !!! \o/

  3. Cinthia

    Que espetáculo! Já fazendo as contas para juntas as milhas! 😂😂
    Parabéns pelo review! Maravilhoso!’

  4. Parabens Beatriz, deve ter sido uma experiência muito boa voar nessa suíte!

  5. Gilberto

    Adorei Beatriz! Obrigado ! Mas me parece que você ficou pouco tempo em Tóquio ?? 😅

    • Beatriz

      Gilberto, eu nem ia pra Tóquio. Só fui porque vi a passagem com milhas no Delta One do A350 dando sopa e emiti. Fiquei 3 dias, mas como já fui outras vezes, tudo bem!

  6. Roberto

    Parabéns Beatriz! Estamos juntos nesse imbróglio e tomara que meu desfecho seja igual ao seu. Obrigado pelas orientações.

    • Beatriz

      Roberto, sugiro que você anexe ao seu processo todos os posts que fiz e o desfecho. Imagino que você terá boas chances de êxito; aliás, é o meu desejo!

      • cristiane

        Beatriz , ja anexei , mas no meu caso somos uma familia de 4 passageiros, vc acha que teremos exito? eu te pergunto porque o SMILES esta nos ignorando mesmo com processo no consunidor.com e no procon. Isto esta acabando com a alegria de termos programado uma viagem tão desejada e transformando todo este imbroglio em um tormento. Mesmo sendo cliente DIAMANTE, não estou recebendo nenhuma atenção. Triste, muito triste

        • Beatriz

          Cristiane, entre no juizado. Vcs não vão resolver nadaa no PROCON ou no consumidor.com. Pra vc ter uma ideia, eles só emitiram a minha passagem 2 dias antes do meu voo, ou seja, eu já estava em Tóquio! Eles não se dignaram a emitir antes da minha saída do Brasill.
          Se o seu caso é igual ao meu, saiu como primeira classe, acho que vcs têm chances de sucesso, independentemente da quantidade de passageiros. Só acho que vcs devem entrar no juizado imediatamente, pq caso eles recorram, talvez já tenha passado o prazo da viagem.

  7. Guilherme

    Sem dúvida que essa cabine é muito melhor que as demais utilizadas pela Delta, mas sempre sinto que por maior que seja o diferencial do produto colocado no mercado por uma cia americana, ainda falta o quesito “detalhe”, falta sofisticação no serviço. O atraso e ordem atrapalhada do embarque estão presentes em vários review na internet.

  8. André K

    Beatriz
    Sou novato acompanhando seu post e gostaria de dar os parabéns.
    Acompanhado diversos post tanto no Brasil como nos EUA e vc com certeza se destaca.
    Fico muito incomodado com certos autores que veneram companhias e programas, claramente com segundas intenções ou motivações.
    Continue assim.
    Em tempo, estou com sérios problemas com o programa AMIGO…. conto o desenrolar adiante.
    Abraço

  9. Alexandre

    Estou babando aqui… excelente post!

  10. Renato Pena

    Emiti uma passagem no Delta One para agosto, executiva por 55 mil milhas, pela Smiles.
    Tudo confirmado e já até escolhi os assentos no site da Delta.
    Sabe dizer se as configurações do voo Boston-Londres é a mesma dessa nova classe? Seus problemas com a Smiles vieram depois de confirmado a reserva?
    Valeu pela review!

    • Beatriz

      Você tem que ver qual é a aeronave que faz a rota Boston – Londres na data da sua viagem. Se for o A350, é essa aqui mesmo.

      • Renato Pena

        Valeu Beatriz! É um 787-9. Não um A350, mas o mais moderno da Boeing. Mas e quanto truque da Smiles? Espero não ter problema. Porque 55 mil milhas é até desconfiável. Mas já até marquei assento, na Delta.

        • Beatriz

          Renato, a Delta não tem B787-900 na frota. Quem faz a rota Boston – LHR com o B787-900 é a British.

  11. Leandro

    Ola Beatriz,

    a Delta anunciou novas rotas com A350 e eu consegui achar disponibilidade para o smiles AMS X Detroit por 85k! alguns voos ainda aparecem executiva outros apenas premium select… o Smiles ja esta de olho!! ja deve estar bloq as executivas com a nova executiva da delta.

Deixe um comentário

Theme by Anders Norén