Uma das granges vantagens de visitar a Tailândia e o sul da Ásia é o preço dos hotéis. Você pode se hospedar muito bem pagando uma fração do que pagaria em Londres ou Nova Iorque, por exemplo.

Essa estadia em Bangkok foi rápida – apenas um pernoite para que eu seguisse viagem para Siem Reap, meu destino final. Tinha planejado jantar num restaurante estrelado pelo Michelin em Bangkok, mas como meu voo de Doha atrasou 5 horas, cheguei no hotel depois das 23 hrs e só bati na cama e dormi.

Escolhi o MGallery porque tenho status Platinum no Le Club Accor e, como da outra vez que estive em Bangkok fiquei no Sofitel So, optei por um hotel diferente. O Hotel Muse é um pequeno 4.5 estrelas que fica perto do Lumpini Park, uma ótima área residencial para se ficar em Bangkok. A diária foi baratíssima pelo que o hotel oferece: cerca de US$ 100.

Bairro Lumpini BKK

Vista do quarto Hotel Muse BKK

O hall de entrada que dá para o quarto é bem bonito, decorado com flores.

Corredor Hotel Muse BKK

Corredor Hotel Muse BKK

O quarto do hotel é bem amplo com tons escuros e iluminação indireta na parte principal.

img_6874

Quarto Hotel Muse BKK

Quarto Hotel Muse BKK

O banheiro também é amplo com chuveiro e banheira.

Banheiro Hotel Muse BKK

Banheiro Hotel Muse BKK

Banheiro Hotel Muse BKK

Banheiro Hotel Muse BKK

Ao lado do chuveiro as toalhas – parece uma bobagem, mas tem muito banheiro de hotel que a toalha fica a vinte metros do chuveiro e você só se dá conta quando acaba o banho todo molhado …

Banheiro Hotel Muse BKK

Banheiro Hotel Muse BKK

A pia tinha diversos “amenities” e um espelho para maquiagem.

Banheiro Hotel Muse BKK

Banheiro Hotel Muse BKK

O quarto também tem um minibar que me salvou durante a noite, já que cheguei bem tarde.

Minibar Hotel Muse BKK

Minibar Hotel Muse BKK

Pela manhã, saí muito cedo para pegar meu voo,  sem tempo de tomar café da manhã.

Apesar de não ter a bossa e sofisticação do Sofitel SO,  o Hotel Muse é uma boa pedida para quem quer gastar pouco ficando em um bairro nobre da cidade.

E aí? Já foram a Bangkok? Onde ficaram?