A primeiríssima coisa que tenho a dizer é: NÃO SE VIAJA DE GRAÇA. Nunca. Never. A não ser que alguém te pague. Fora isso, não. Mas isso não quer dizer que você não possa tornar a sua experiência de viagem mais prazeirosa e sofisticada. E é isso que vou tentar demonstrar aqui.

A segundíssima coisa que tenho a dizer é: ninguém é obrigado a ter programa de milhagem. Aliás, com as constantes mudanças de regras – sempre pra pior – tá cada vez mais complicado ser fiel a uma companhia aérea.

Um outro ponto a ser levantado de cara é: há pessoas e pessoas. E todas têm razão.

Tem gente que prefere pagar menos para viajar. Então, se você acha que o que vale é a passagem mais barata em econômica, vai fundo! Pesquise no Google Flights ou no Kayak Explorer que vão te dizer quais as passagens mais baratas pro destino que você quer. 

Outras pessoas preferem acumular milhas e gastá-las em upgrades (pagar uma passagem de econômica e usar as milhas para ir de executiva). Tem gente que prefere viajar mais para lugares perto, que consomem menos tempo, mas o seu vizinho já tá com tudo acertado para passar uma temporada nas Ilhas Faroe (essa eu vou deixar pra vocês pesquisarem!).

Mas eu vou te contar uma coisa: quando a gente viaja bem, o como chegar lá se torna tão memorável quanto o destino em si. E viajar bem em dinheiro custa caro, muito caro. Olha esse exemplo aqui embaixo: um voo ida-e-volta de Londres pra Abu Dhabi, pela Etihad – uma das melhores cias aéreas do mundo, em 1a classe – considerada a melhor do mundo, custa quase R$ 20.000,00.

viajar-melhor1

Se eu te disser que dá pra fazer essa viagem usando milhas sem gastar essa grana toda, você acredita em mim? Pois acredite. Fiz isso mesmo usando milhas. E tenho fotos pra provar! Dê uma olhada nesse post aqui pra você ver como foi.

“Milhas” é a palavra mais querida do meu dicionário. Com elas conheci lugares incríveis, voei como uma milionária, fui paparicada ao extremo. E conheci o mundo dos lounges, que são as salinhas exclusivas das cias aéreas para seus passageiros voando em cabine premium. Para saber mais sobre os lounges, clique aqui.

Bom, agora que você já entendeu o que você pode experimentar, vamos falar sobre o maravilhoso mundo dos programas de milhagem aqui. Se você quiser saber sobre alianças aéreas clique aqui.