Amigos, já fui à China algumas vezes e decidi contar minha experiência em Pequim. Passei o total de 3 dias na cidade, sendo que fiz um tour básico nos dois primeiros dias em que vi tudo que era importante. Como foi a primeira vez que fui à China continental, contratei uma guia e um motorista particular que foi super prático, já que os pontos turísticos ficam afastados uns dos outros e muitos ocupam uma área enorme da cidade. No terceiro dia, fiquei flanando pela cidade por minha conta. Fui em abril e peguei dias lindos de sol e temperatura amena.

DIA 1

1) Templo do Céu (Temple of Heaven – Tiantan Park)

Preparem-se para passar algumas horas aqui, especialmente nos fins de semana. É aqui que os imperadores pedem a proteção para ter uma boa colheita.

Templo do Céu - Temple of Heaven - PEK

Templo do Céu – Temple of Heaven – PEK

Hoje, ele fica no principal parque a cidade, o Tiantan Park, onde os chineses praticam esportes, dançam, cantam, se divertem com jogos de tabuleiro, fazem tai-chi. É muito interessante observar que pessoas de todas as idades se engajam em atividades físicas e culturais.

Tiantan Park - PEK

Tiantan Park – PEK

Tiantan Park - PEK

Tiantan Park – PEK

Como eu fui no parque em um domingo, peguei uma tradição muito curiosa: as mães deixando descrições das filhas solteiras para atrair maridos! Sim, isso ainda existe. Sim, é comum. Uma mulher chinesa solteira depois dos 25 anos de idade é uma preocupação para a família; depois dos 30, uma vergonha.

Tiantan Park - PEK

Tiantan Park – PEK

Saindo de lá, fomos almoçar em um lugar bem simples e rumamos para a famosíssima Tiananmen Square, a Praça da Paz Celestial, que rendeu a premiadíssima foto abaixo, datada de 1989.

Tiananmen Square 1989

Tiananmen Square 1989

 

2) A Praça da Paz Celestial (Tiananmen Square)

A Praça da Paz Celestial é uma das maiores praças do mundo e é o coração simbólico da cidade para os chineses.  É gigantesca e devido ao seu tamanho é o local onde o governo chinês aproveita para fazer seus desfiles militares.

Logo na saída do metrô há essa construção enorme: o Zyangyanmen Gate.

Zhangyangmen Gate - PEK

Zhangyangmen Gate – PEK

 

É lá, também, que fica o Mausoléu de Mao Tsé Tung. O corpo de Mao foi embalsamado e se encontra em um caixão de cristal que é aberto à visitação durante algumas poucas horas do dia. Só pros aficcionados mesmo … 😉

Memorial de Mao Tsé Tung - PEK

Memorial de Mao Tsé Tung – PEK

O Monumento dos Heróis do Povo é essa coluna que ficam em frente ao Museu Nacional da China. O monumento foi construído em memória dos mártires que sacrificaram as suas vidas para as lutas revolucionárias do povo chinês ao longo dos séculos 19 e 20.  Já  o Museu Nacional da China está entre os maiores museus do mundo. Eu não o visitei porque simplesmente não dava tempo. Esse complexo de monumentos é enorme e só pode ser percorrido a pé.

Monumento dos Heróis do Povo e Museu Nacional da China – PEK

O Grande Salão do Povo é a sede do Parlamento chinês e abriga o maior auditório do mundo, comportando cerca de 10.000 pessoas sentadas! É muita gente!

Grande Salão do Povo

3) Cidade Proibida

Daí segui para a Cidade Proibida. Não há possibilidade de se tirar uma foto sem que haja diversas pessoas na sua frente …

Cidade Proibida - PEK

Cidade Proibida – PEK

A Cidade Proibida foi o palácio imperial da China desde meados da Dinastia Ming (1400) até o fim da Dinastia Qing (1912).  Durante quase cinco séculos serviu como residência do Imperador e de seus serviçais, sendo o centro cerimonial e político do governo chinês.

Cidade Proibida

Cidade Proibida

O complexo consiste em 980 edifícios  com 8.707 salas e cobre 720.000 metros quadrados.  A Cidade Proibida foi declarada Patrimônio da Humanidade em 1987 e é listado pela UNESCO  como a maior colecção de antigas estruturas de madeira preservadas no mundo.

Cidade Proibida - PEK

Cidade Proibida – PEK

Em 1931, os japoneses retiraram cerca de 19.000 caixas com objetos da Cidade Proibida que só foram devolvidos após a Segunda Guerra Mundial.

4) Hutongs

Depois de caminhar muito, seguimos para os hutongs perto de Houhai. Os hutongs são bairros tradicionais com vielas estreitas onde o chinês comum mora. Aqui  terminei o tour do dia e o motorista e a guia me levaram de carro para o hotel.

Hutongs - PEK

Hutongs – PEK

Houhai

Houhai

DIA 2

1) A Muralha da China

Com seus 21.000 km de extensão, acho que a Muralha é estrela de uma viagem a China, não é mesmo? Bom, há diversos acessos à Muralha saindo de Pequim. É possível, inclusive, pegar um ônibus e em menos de uma hora você chega lá. Massssss …  quanto mais perto da cidade, mais cheia a Muralha. Então, a minha guia sugeriu que fôssemos até Mutianyu, que dica a cerca de 2 horas de carro e, portanto, com menos turistas. Lembrem-se que quando falamos em “menos turistas” ou “menos gente” na China significa “ainda muito cheio de gente” pra nós, brasileiros …

Para chegar lá no alto, a gente tem que pegar o bondinho.

p1020340

Custei pra conseguir tirar essa foto com menos gente …

Grande Muralha da China

Grande Muralha da China

Na volta para Pequim, paramos para comer num restaurante na beira da estrada. Gente, eu gosto muito de sofisticação, mas ter certas experiências na vida não tem preço. Depois do prato feito chinês, fomos para o Palácio de Verão.

2) Palácio de Verão (Summer Palace – Yiheyuan)

Construído em 1750 e com quase 3 km quadrados, o Palácio de Verão tem duas grandes atrações: a Colina da Longevidade e o Lago Kunmin. O Palácio fica no maior e mais bem preservado parque imperial da China e foi feito para que o Imperador pudesse se refrescar no verão escaldante da capital chinesa. Você pode passar horas no parque porque os templos, jardins e pavilhões valem muito a pena.

Pagode do Insenso Budista e Lago Kunmin

Pagode do Insenso Budista e Lago Kunmin

3) Templo dos Lamas (Lama Temple – Yonghe)

É o mais conhecido templo budista fora do Tibet. Também é um grande complexo de salas e pavilhões que sobreviveram à Revolução Cultural na China.

 

Entrada do Templo dos Lamas

Entrada do Templo dos Lamas

O Templo é belíssimo e vale a visita.
Lama Temple

Lama Temple

Depois, para finalizar o tour, demos uma passada rápida pelo Ninho do Pássaro, que estava fechado quando fui. Ele será o local de abertura e encerramento das Olimpíadas de Inverno de 2022.
Estádio Ninho do Pássaro

Estádio Ninho do Pássaro

Eu pesquisei a guia no Trip Advisor, como sempre faço e não me arrependo. O preço do tour individual de 2 dias com guia e motorista particular foi de US$ 435 dólares no total, incluindo o custo da entradas para o Templo do Céu, Cidade Proibida, Muralha e o Palácio de Verão.
A guia era excelente e customizamos o tour juntas – ela me perguntou o que eu fazia questão de ver e deu sugestões – tudo por email. Também resolveu questões referentes a reserva de restaurantes enquanto eu estava lá. O nome dela é Skye Gao – clique aqui para saber mais.
No meu terceiro dia em Pequim decidi bater perna na área perto do meu hotel. Fiquei no bairro de Wangfujing, que tem uma enorme rua fechada para carros, com muitas lojas e shoppping centers. Lá também tem um mercado aberto muito famoso com comidas bastante hmm … como diria,  exóticas …
Nem que me paguem!
p1020430
 Fiquei curiosa, mas não tive coragem!
p1020438
OBS: É obrigatório comer o pato laqueado em Pequim (Peking Duck) e o melhor lugar é o restaurante Dadong, que também tem em Shanghai. Gente, é dos deuses! Mas tem que reservar com algumas horas de antecedência porque o pato tem que é assado na brasa e demora pra fazer. Eu até vi um vídeo no youtube ensinando a comer! 😉
Espero que vocês tenham gostado! Boas viagens!