viaje bem, viaje longe, viaje barato!

Cias Aéreas Brasileiras, Cias Aéreas Estrangeiras, Posts em Série, Programas de Milhas

Posts em Série: Os Melhores Resgates dos Programas de Milhagem

Tão importante quanto acumular milhas é saber o melhor modo de gastá-las. É claro que cada pessoa tem suas preferências e não pretendo, de modo algum, dizer o que é melhor ou pior para cada um. A finalidade aqui é ver a melhor relação custo-benefício na hora de resgatar as milhas acumuladas.

Para fazer isso, eu me debrucei sobre os programas mais populares aqui no Brasil que têm tabela fixa. Assim, descartei o Smiles e o SkyMiles da Delta, pois ambos têm tabela flutuante e é impossível saber o valor real de um resgate.

Decidi então analisar os seguintes programas: LATAM Fidelidade, Avianca Amigo, American Airlines AAdvantage, Avianca Lifemiles, United Airlines Mileage Plus e TAP Victoria.

Um outro fator que não levei em consideração são as promoções para emissão com milhas reduzidas, pois, além de esporádicas, são altamente variáveis.

Dentre os fatores que me levam a considerar um resgate como bom são: o tempo de voo, a classe de voo, a companhia aérea que efetua o voo e as salas VIP que poderão ser acessadas em caso de viagem em cabine premium.

1 – LATAM Fidelidade

2 – Avianca Amigo

3 – American Airlines AAdvantage

4 – Avianca Lifemiles

5 – United Airlines Mileage Plus

6 – TAP Victoria

 

7 Comentários

  1. Daniel

    Prezada Beatriz,

    Parabéns pela excelente iniciativa!

    Aproveito para sanar uma dúvida e sugerir algo:

    (a) quanto à dúvida, qual a razão da inserção da United? Algum cartão de crédito no país transfere para esta?

    (b) já a sugestão é a inserção da IBERIA, não apenas por todos os clientes SANTANDER e TPC poderem transferir pontos como também pelo fato da business no trecho GIG/GRU-MAD na baixa temporada ter um valor excelente, bem como a inserção da KLM/Aifrance, para a qual o TPC também transfere… ponderei estas duas pois são companhias que voam tanto de GIG como GRU.

    Mais uma vez, parabéns pela iniciativa.

  2. Beatriz

    Oi Daniel, o objetivo é achar os melhores resgates das tabelas fixas, sendo o modo de acúmulo irrelevante (voando ou transferindo de cartão de crédito). Não incluí a Iberia ou a British porque nenhuma delas têm tabela fixa. Já o Flying Blue só dá a tabela fixa para voos com origem na Europa.
    Deixo esses para um outro post, preferencialmente quando estiver de férias.
    Ah, e só os antigos AMEX transferem para Iberia, KLM/Air France, Singapore etc. Os novos são todos Livelo agora.

  3. Daniel

    Prezada,

    Até onde tenho conhecimento (posso estar enganado), a Iberia tem sim tabela fixa, baseada na distância voada.

    Em verdade, são duas tabelas: a de baixa temporada e a da alta temporada.

    • Beatriz

      Oi Daniel, como vc mesmo disse, na tabela Avios há duas variáveis, distância e temporada. Nesse momento, eu não condições profissionais de me debruçar sobre ela e fazer inúmeras combinações, tendo que checar a distância entre x pares de cidades para chegar a uma conclusão. Quando eu entrar de férias, eu terei tempo para tanto. Por enquanto, fico com as tabelas fixas, de fácil visualização.

  4. Davi

    Oi, Beatriz!
    Você pretende fazer um post dessa série para a Iberia/British Airways?
    Obrigado!

Deixe um comentário

Theme by Anders Norén