Chegar em Siem Reap e ir para o Shinta Mani Resort é entrar em um universo paralelo. Em primeiro lugar, porque a Indochina é impactante para um brasileiro. Os aromas,  os sons e as cores dão a impressão que você está em outro mundo, ao mesmo tempo que há uma certa familiaridade no calor úmido, no despojamento e simpatia do povo. Além disso, o Shinta Mani Resort foi eleito o segundo melhor hotel do mundo de 2016 segundo os leitores do TripAdvisor. Agora, prestenção! Há dois Shinta Mani: o Resort e o Club, que fica em frente. Estou falando sobre o Resort, okay? Okay!

screenshot-2016-09-17-00-25-10

Eu já comentei sobre as minhas desconfianças quanto às avaliações do TripAdvisor e, decerto, o Shinta Mani Resort não é o 2o hotel mais luxuoso do mundo. Mas ele ganha de sobra nos quesitos da simpatia e cortesia dos funcionários – o que difere muito da sobriedade quase que seca de alguns hotéis de luxo – e dos mimos originais que oferece aos hóspedes.

screenshot-2016-09-17-00-39-49

Não há um balde de champagne francês te esperando no quarto, mas tem toalhas molhadas perfumadíssimas e frias para você passar na sua face ao chegar no hotel, disponibilizadas com chá verde gelado. Isso antes de você entregar qualquer documento na recepção. Considerando o calor e a poeira de Siem Reap, isso é mais agradável do que qualquer champagne. Saber o que é essencial para o hóspede em dado momento é a chave do negócio. Ouso dizer que, isso sim, é luxo.

A decoração do lobby de entrada do hotel é bem ousada, misturando elementos da cultura khmer com peças bem inusitadas.

Lobby Shinta Mani Resort REP

Lobby Shinta Mani Resort REP

Ao longo do caminho até o quarto, há flores por todos os lados.

img_6909

O quarto que reservei era o mais simples do hotel e só tinha disponibilidade para duas camas queen. Como eu estava sozinha, não me importei com isso.

Quarto - Shinta Mani Resort

Quarto – Shinta Mani Resort

O quarto é bem amplo e duas pessoas ficam bem alojadas aqui. Para quatro eu já acho que vira furdunço.

Quarto - Shinta Mani Resort REP

Quarto – Shinta Mani Resort REP

Olha que coisa mais legal que eles penduraram na parede! Eu adorei, considerando que era o primeiro lugar novo do ano que eu estava conhecendo. “Uma vez ao ano vá a um lugar onde nunca tenha ido antes”.

Shinta Mani Resort REP

Shinta Mani Resort REP

A decoração do quarto acompanha o estilo do hotel, um tipo khmer estiloso … (risos).

Quarto - Shinta Mani Resort REP

Quarto – Shinta Mani Resort REP

Só acho que a TV podia ser maior.  Não que seja uma prioridade assistir TV no Cambodia. Vai que estou lá na época de Game of Thrones! OK, tô sendo exigente demais …

Quarto - Shinta Mani Resort REP

Quarto – Shinta Mani Resort REP

O banheiro também é confortável, com produtos de banho de ótima qualidade.

Banheiro - Shinta Mani Resort REP

Banheiro – Shinta Mani Resort REP

Banheiro - Shinta Mani Resort REP

Banheiro – Shinta Mani Resort REP

Banheiro - Shinta Mani Resort REP

Banheiro – Shinta Mani Resort REP

A vista do meu quarto era privilegiada, tanto à noite …

Vista do quarto - Shinta Mani Resort REP

Vista do quarto – Shinta Mani Resort REP

como de dia.

Vista do quarto - Shinta Mani Resort REP

Vista do quarto – Shinta Mani Resort REP

A piscina era convidativa. Dei meu mergulho nela …

Piscina - Shinta Mani Resort REP

Piscina – Shinta Mani Resort REP

Piscina - Shinta Mani Resort REP

Piscina – Shinta Mani Resort REP

Enfim, o Shinta Mani Resort é um ótimo hotel, com uma boa relação custo-benefício. Acho que vale a pena de vez em quando a gente se dar um presente e ficar num lugar bem bacana. É claro que só pude fazer isso porque estava no Sul da Ásia, que é notoriamente barato – à exceção de Singapura, que  tem os preços bem puxados.  Aliás, é uma sugestão que dou a todos: já que o país é barato, vamos nos hospedar melhor, né?

Espero que vocês tenham gostado do post! Alguém já esteve no Shinta Mani? Falaí!