A Alitalia aderiu à tendência atual das companhias aéreas e implementou a Tarifa Light, que não permite o despacho de bagagens gratuito. Os passageiros somente têm direito à bagagem de mão, com peso máximo de 10 kg.

Valores para bagagem despachada são os seguintes:

  • USD 60,00 por bagagem de até 23kg comprando através dos canais: WEB, Central de Reservas ou Agência de viagens.
  • USD 65,00 por bagagem de até 23kg comprando no aeroporto.

Ou seja, quem pretende despachar bagagem – a maioria absoluta dos passageiros – pode acrescentar, pelo menos, 120USD à tarifa Light.

Já os passageiros que adquirirem bilhetes nas tarifas Classic e Flex terão direito ao despacho de um volume e a marcação de assentos gratuita.

Quem aproveitou o status match da Aerolineas no final do ano passado, pode ficar descansado até o término do período de status: clientes Skyteam Elite e Elite Plus têm direito a um volume de bagagem no porão. Os clientes Club Freccia Alata Plus, Freccia Alata, Ulisse também podem despachar um volume de bagagem gratuitamente.

A tarifa Light não permite alteração ou reembolso do bilhete e a marcação de assentos será gratuita apenas até o dia 15 de outubro.

Infelizmente, não podemos mais dizer que notícias desse tipo causem surpresa no mercado da aviação comercial. A tendência atual das companhias aéreas em termos de política tarifária da classe econômica é cobrar apenas o transporte em si, deixando todos os extras para serem cobrados à parte.