A American e a United, duas titãs da aviação comercial americana, estão expandindo suas operações na Europa. A United anunciou 3 novos destinos europeus com voos durante o ano inteiro, ao passo que a American anunciou 9 novas rotas, sendo 8 sazonais. Vamos a elas.

American Airlines

Charlotte - Munique: diário; início em 31 de março; A330-200

Phoenix - Londres: diário; de 31 de março a 26 de outubro; B777-200

Dallas - Dublin: diário; de 6 de junho a 28 de setembro; B787-900

Dallas - Munique: diário; de 6 de junho a 26 de outubro; B787-800

Chicago - Atenas: diário, de 3 de maio a 28 de setembro; B787-800

Philadelphia - Edinburgh: diário, de 2 de abril a 26 de outubro; B757-200

Philadelphia - Berlin: 4x semana; de 7 de junho a 28 de setembro; B767-300

Philadelphia - Bologna: 4x semana; de 6 de junho a 28 de setembro; B767-300

Philadelphia - Dubrovnik: 3x semana; de 7 de junho a 27 de setembro; B767-300

Além das novas rotas, a AA reduziu algumas frequências (em verde) e cancelou operações (em laranja):

United Airlines

San Francisco - Amsterdam: diário; a partir de 30 de março; B787-900

Newark - Nápoles: diário; de 22 de maio a 4 de outubro; B767-300

Newark - Praga: diário; de 6 de junho a 4 de outubro; B767-300

Já voei muito para a Europa via EUA. Dependendo da época, o preço é o mesmo de um voo direto, com a vantagem de uma parada nos EUA – geralmente escolho a volta, por conta de peso na mala.

Para quem tem SWUs da AA (Systemwide Upgrades) ou GPUs da UA (Global Premier Upgrades) é uma ótima pedida.  Pelo preço de econômica, é possível fazer a viagem inteira em executiva usando apenas 2 upgrades (um para a ida e outro para a volta). Mas atenção: com o stopover em um dos trechos, serão necessários 3 upgrades caso você queira voar em executiva o trajeto inteiro.