A companhia aérea japonesa ANA revelou a sua nova first e executiva que serão instaladas na sua frota de B77W. Chamadas, respectivamente, de The Suite e The Room, elas representam uma fusão da tradição japonesa com os princípios de design ocidental. As novas cabines foram desenvolvidas conjuntamente entre o arquiteto japonês Kengo Kuma e a Acumen empresa britânica líder no segmento de design, responsável pelo desenvolvimento do The Residence e o The Apartment do A380 da Etihad.

THE SUITE – A Nova Primeira Classe da ANA

A nova primeira classe da ANA foi inspirada no design de hotéis japoneses de luxo, com o acabamento em madeira escura. Os assentos do meio são separados por uma partição móvel, permitindo mais ou menos privacidade dependendo do desejo dos passageiros.

A suíte conta com portas deslizantes e o IFE é, nada mais, nada menos do que uma tela de 43 polegadas com resolução 4K!

THE ROOM – A nova executiva da ANA

Então, o que faz com que um assento de classe executiva vire The Room?

A transformação começa com as portas deslizantes, que conferem total privacidade ao passageiro e que são a tendência da business no momento e passa pela substituição do assento por um banco estilo sofá que ocupa toda a largura do espaço.

Os assentos ímpares são voltados para a frente e pares, para trás.

Segundo a ANA, o design do The Room oferece mais espaço aos passageiros e é um dos maiores “seating environments” do mundo.

O The Room foi inspirado em espaços habitacionais multifuncionais tão comuns no Japão e contém diversos pequenos espaços em que o passageiro pode guardar seus objetos pessoais.

Os passageiros da executiva também contam com IFE com resolução 4K, que pode ser emparelhado com um app no celular que funciona como controle remoto. O passageiro poderá até mesmo determinar quais atrações assistirá durante o voo antes de embarcar.

A NOVA CABINE

O design da nova cabine foi expandido para a área de entrada da aeronave, que foi concebida para ser semelhante a área de recepção de um hotel.

Foi criada também uma nova área de alimentação, inspirada na filosofia japonesa de hospitalidade, conhecida como Omotenashi. O espaço conta com diversas mini-geladeiras repletas de comidas e bebidas.

O design também libera espaço para que os passageiros possam se movimentar na galley, que conta com um painel em backlight.

E, para terminar com nota 10, a aeronave passa a contar com lâmpadas LED da Panasonic que foram recentemente redesenhadas para dar mais conforto durante as refeições, a leitura e o sono.

As cabines premium também contarão com colchões e roupas de cama elaboradas pela Nishikawa, uma das mais tradicionais lojas especializadas no Japão, com uma história de mais de 450 anos.

A expectativa é que a aeronave retrofitada comece e a operar aleatoriamente em algumas datas em agosto e setembro e passe a ser fixo a partir de outubro. A ANA não divulgou a primeira rota que contará com o retrofit.

IMPRESSÕES PESSOAIS

Gente do céu! Sabem aquele post que eu fiz anteontem sobre a minha lista de desejos de cabines que eu gostaria de experimentar hoje (clique aqui para ler)? Vou refazê-lo para incluir ambas as cabines da ANA!

Eu pessoalmente adorei ambas as cabines, sendo que me parece que a business estará mais bem classificada no seu ranking do que a first. Isso por que, pelas fotos, o The Room aparentemente só perde para as QSuites, que são mais privativas e oferecem cama de casal e/ou viagem em família.

Já a first é claramente inferior à Singapore Airlines, Etihad e Emirates, já partindo do 4o lugar no ranking.

Agora, a business me parece tão maravilhosa e a first nem tanto, que não sei se se justificaria pagar mais para algo um pouco melhor. Se a prioridade é o hard product, não me parece que há grande diferença. E tem mais, o soft product da first da ANA é sensacional – independentemente de cabine retrofitada ou não.

De qualquer modo, gostaria de experimentar ambos!

Vocês ficaram tão empolgados quanto eu?

Como a ANA é da Star Alliance, é possível resgatar bilhetes usando milhas no Lifemiles, Miles&GO e United MileagePlus, dentre outros.

Gente, é muita cabine nova pra conhecer … rsssss