O querido Henry escreveu um comentário off-topic sobre o Lifemiles em outro post que acho que merece ser reproduzido:

Hoje, pela primeira vez desde que me entendo por gente, um programa de fidelidade teve a DECÊNCIA, HONRADEZ de fazer o inverso do que os outros programas fazem…
Estou falando do Lifemiles…
Creditaram 20% de milhas sobre o saldo médio de minhas milhas.. isto porque eles vão (ou já até fizeram) aumentar a tabela de resgates…
É algo que eu falo já há uns 5 anos nos sites especializados: de que, se um programa vai aumentar a tabela de resgates, tem a obrigação de reajustar o saldo médio das milhas.. isto para poder manter o poder de resgates..
Acho que é algo que merece um tópico, para servir de exemplo aos outros programas… (ouviram aí Multiplus, Victoria, TudoAzul e demais ???)e tb para que os colegas narrem se receberam ou não as milhas bônus….
Até hoje, os programas vêm lucrando absurdos com o reajuste da tabela de resgates.. outros fizeram pior ainda: simplesmente param de adotar uma tabela.. usando a tal “flexibilização” da qtde. de milhas.. num primeiro momento eles colocam umas passagens exigindo menos milhas do que na vigência da tabela, mas depois, aos poucos, vão aumentando… devagarzinho o associado vai sendo muito prejudicado..
Esta medida do Lifemiles é algo que, penso, deve ser amplamente divulgado pelos sites especializados…

Concordo com o Henry que o Lifemiles fez algo inédito nos programas de milhas: tentou compensar seus clientes por conta do aumento da tabela de resgates.

Uma alternativa seria o que o AAdvantage e o MileagePlus fizeram: avisaram da mudança com 6 meses de antecedência para que as pessoas pudessem emitir seus bilhetes com a tabela antiga.

O que não está certo é o que o Victoria da TAP fez conosco duas vezes esse ano. Aliás, nunca mais enviei nada para o programa por conta da quebra de confiança. E tenho certeza que tem muita gente que também riscou o programa da sua “carteira”.

Então, dou meus parabéns ao Lifemiles pelos 20% creditados nas contas dos clientes. Em tempo, o que vocês acham melhor: compensar com uma porcentagem como o Lifemiles fez ou avisar com 6 meses de antecedência?