Tenho lido diversos comentários de leitores que estão tendo problemas na emissão de passagens com pontos LATAM Fidelidade/Multiplus. Alguns me escreveram emails e me enviaram inbox no Facebook.

Há dois tipos de problemas mais comentados:

1 – Não se consegue mais emitir Brasil – Ásia por 110.000 pontos na executiva com as parceiras Oneworld. O LATAM Fidelidade tem uma tabela fixa para as parceiras da OW. Então, ao se montar o itinerário somente com British, Iberia, Qatar etc a tabela teria que ser obrigatoriamente respeitada. Entretanto, os atendentes do call center estão tarifando duas regiões separadamente: Brasil – Europa e Europa – Ásia. Nesse caso, o bilhete sai por 220.000 pontos. Quando perguntados sobre a tabela, alguns atendentes dizem até mesmo que não a conhecem …

Em um outro caso, o leitor encontrou a disponibilidade de 110k no site do LATAM Fidelidade, mas quando foi emitir, o sistema travou. Ele ligou para o call center e foi tarifado em 220k. Como ele havia dado um print da tela, enviou um email para  o atendente, que repassou para o supervisor que, por sua vez, determinou que a tarifa fosse honrada. Mas o sistema não permitiu e continuou exigindo os 220k.

2 – Os leitores encontram disponibilidade com as parceiras Oneworld no site da British Airways, ligam para o Multiplus/Fidelidade, os atendentes acham os assentos, mas o sistema não tarifa. Conheço um caso de uma pessoa que achou disponibilidade do Rio para a Europa e de lá para a Ásia com a Finnair, British, Cathay etc. Confirmou a disponibilidade no call center, mas o atendente não conseguiu tarifar de jeito nenhum. Ele ligou diversas vezes e o mesmo problema se repete há um mês.

Não sei se esses problemas têm relação com a migração para o sistema Sabre, que tem data para ser finalizada no dia 11 de maio. Mas se a empresa tem uma tabela fixa para as parceiras, ela obviamente tem que honrar o que lá está determinado.

Alguém está tendo outros problemas?