Uma notícia triste para quem gosta de viajar na Qatar Airways: a empresa anunciou planos de aposentar seus A380 a partir de 2024. A Qatar conta com 10 super-jumbos na sua frota, que foram adquiridos entre 2014-2018. A configuração dada pela Qatar conta com três cabines: primeira, executiva e econômica. Entretanto, os A380 não contam com a QSuites, a revolucionária classe executiva da empresa. A retirada será progressiva e deve durar até 2028.

Atualmente, o A380 opera as seguintes rotas: Sydney, Melbourne, Perth, Bangkok, Frankfurt, London, Paris e Guangzhou.

Segundo, Al Baker, o CEO da Qatar, a empresa vai substituí-los pelo 60 777-X que adquiriu da Boeing. A aeronave está com atraso no projeto e teve sua estréia nos ares postergada para o final desse ano. Parece que os motores GE9X estão com problemas e está sendo necessário redesenhá-los.

Ainda não se sabe se os B777-X terão primeira classe. Mas, caso não tenham, será o fim da first na Qatar. A introdução das QSuites, que são melhores do que muitas cabines de primeira classe que temos por aí, pode ser um diferencial na decisão a ser tomada pela empresa do Oriente Médio.

Apesar de o A380 não contar com as QSuites, a Qatar instalou um bar sensacional na aeronave, que pode ser frequentado por passageiros da primeira classe e da executiva também.

QR Airways First Class CDG – DOH fev 2018 A380
QR Airways First Class CDG – DOH fev 2018 A380
QR Airways First Class CDG – DOH fev 2018 A380
QR Airways First Class CDG – DOH fev 2018 A380
QR Airways First Class CDG – DOH fev 2018 A380

O A380 é uma das minhas aeronaves favoritas e sei que a tendência é a sua aposentadoria geral nos próximos 10-15 anos. Na Qatar, a retirada é especialmente significativa por conta do bar. Só a Emirates oferece algo parecido a bordo, mas também já suspendeu futuras compras do A380.